Uma Casa, um Destino para muitas possibilidades

No ano passado, junho especialmente, conheci a Laboriosa89. Um espaço de livre interação,  sem um centro, sem hierarquia, um local de exercício de compromisso e liberdade, andando lado a lado.

A partir da minha intenção de vida e o conhecimento que apreendi na Lab, sobre interação em Rede, criei a iniciativa Destino Colaborativo. Realizamos nosso protótipo de viagem com a colaboração da Rede, agora em julho, para Findhorn. Foi uma escolha incrível que fiz e uma possibilidade de testar, na prática, minha habilidade de responder ao que se apresentou no dia-a-dia.

Outra coisa que surgiu, neste caminhar, foi sair da casa onde eu estava morando, sem mesmo ter onde morar. Eu tinha um dinheiro para isso, que durou três meses de Airbnb. Depois disso, virei nômade. Meus filhos ficam com o papis deles. Fiquei uns dias na casa da minha mãe, outros dias pingando na casa de amigos/amigas.  Não havia expectativa alguma de surgir algo diferente. Mas meu desenho mental me fez passar por vários desafios. Tive momentos de sentimentos profundos de tristeza, de solidão. E, mesmo sendo cuidada por pessoas queridas, eu não conseguia me conectar a este cuidado. Ao mesmo tempo que, algo no meu coração me colocava em plena conexão com o confiar. Sentia que estava surgindo algo novo, ligado aos meus valores, à minha essência. E que toda a experiência era necessária.

Parti para o Reino Unido no começo de julho, com foco em chegar em Findhorn 17/07. 

Não me senti mais sem casa. Percebi o Universo me provendo do que eu precisava, na hora que eu precisava. A viagem estava, realmente, sendo financiada pela rede, das mais diversas formas. 

Em Findhorn, surgiram algumas novidades no meu SER.  Em meditação, entrei em contato com o vislumbre de uma casa, para eu morar, mas não só:

  • Ela dá acesso à outras pessoas que estão sem casa e que poderão se hospedar de forma que atenda ao sistema.
  • Um lugar de encontro para as propostas do Destino Colaborativo. Ali surgirão as pessoas certas, para que o campo se expanda e a abundância se torne realidade na vida de mais pessoas.
  • Apesar de ser, também, minha moradia, ela é aberta, de livre interação e acesso. Como na Lab, como em outros experimentos que estão surgindo.
  • Este "QG" do Destino Colaborativo (como chamo), tem uma conexão energética com o DNA Findhorn. Vou contar sobre isso mais detalhadamente no Encontro Tea Break. Mas posso adiantar que, desta conexão, sairá uma Cidade Distribuída, numa área nada urbana do Brasil. O QG é um campo de interação para que esta Cidade nasça. 

Quando tive esta conexão, foi bastante profundo. Saí da meditação em um nível absurdo de compreensão do campo de possibilidades. Eu devo ter entrado em um estado de consciência que nunca experimentei, pois demorou para voltar ao normal. O Confiar se mostrou de uma forma mais elaborada.  Flui no meu corpo. Numa organização desconhecida, por mim, até então. 

Tentei escrever tudo isso. O desenho da casa, os passos, a cidade. Mas, imediatamente, me veio que não é o que devo fazer. É para deixar fluir pelo meu corpo. Virá intuitivamente. Assim como veio este texto aqui. Ele simplesmente vem. O mental somente expressa o que está no meu coração. É incrível e não sei se as pessoas entenderão. Espero que sim. 

Espero que sim porque preciso delas. 

Vem de algum lugar esta casa. De alguém que pode dar acesso a ela. Uma casa que, provavelmente, está fechada. Parada, sem uso. Ou alguém que tenha esta casa e que, hoje, quer mudar de paradigma e usar sua propriedade para algo que beneficie mais gente. Tudo pode ser. O que sei é que agora é hora de jogar para o Campo, que eu chamo de Rede e, também, de Deus, e também de Universo. 

O que sei sobre esta Casa. Está em SP, de fácil acesso de metrô, zona oeste. Comporta pessoas dormindo e encontros em salas. Tem quintal. Não é apto, então é Casa.  Como sei ? Só sei. Disse que é fluído. Chega e eu repasso. 

O que também sei: que talvez você não tenha a casa. Mas conhece um corretor de imóveis, um empresário, uma pessoa que tem. E esta interação é o mais importante para que ela apareça. 

Vou confiar não somente que tudo está na mais perfeita forma de estar, como, também, nesta "guiança" que recebi. Esta orientação. 

Se você quer conversar comigo sobre isso, pode interagir no Grupo do Destino Empreendimento em Rede, ou me escrever no e-mail contato@destinocolaborativo.com.br ou me telefonar 11-9-9897-1456 (após dia 10/08/15, pois chego no Brasil somente nesta data). De todas as formas você chegará até mim.

Venha !!