PROCURA-SE

Escrito em 24 de março de 2014 no Facebook

Procura-se:

Uma escola que não fale de pedagogias. Mas de alma. 

Professores que não sigam livros ou planejamentos, mas seus corações.

Julgadores, destes que condenam e punem, mas que aceitem ser julgados e punidos, também.

Um terapeuta que saiba que é impossível dar receitas de bolo para a vida do outro, por que não existe nem para a dele mesmo. 

Um líder espiritual que tenha descoberto que não precisamos mais de líderes, e que desista então deste seu papel.

Amigos que sobrevivam à convivência... sem mais.

E pessoas que saibam que "rir é bom, mas rir de tudo é desespero - Frejat".

Dizem os Iluminados que o que eu procuro está dentro de mim. Vou lá procurar, então.