Projeto144 - A criança

O Projeto144 chamo de guianças chegadas para tangibilizar mudanças no processo do Planeta para uma nova dimensão. A quinta dimensão. Ele é desenhado por vórtices. Estes vórtices não são separados, giram juntos. Mas ainda precisam de desenhos individuais para se tornarem um grande e único vórtice.

O caminho para isso é a expansão da consciência e a forma dela. 

Neste texto falo sobre o Vórtice CRIANÇA.

O que significa o Vórtice para a criança no Projeto144 ? Como trabalhar com ela. O que me vem é só que não há separação. Só há liberdade. É só deixar SER.

O humano adulto cria condições de desenvolvimento para a criança desconsiderando a possibilidade do SER autônomo.  Vejam estes bebês. Sabem acessar ao que precisam quando precisam. Sem intervenção do adulto. De maneira pacífica e objetiva.  

Pq atrapalhar ? Por isso, quando quero trabalhar com a criança, imagino espaços onde ela possa explorar de maneira livre, o que lhe é oferecido. Experiências de muitas formas. Que elas possam explorar além dos Cinco sentidos já conhecidos, mas outros que o ser humano começa a desenvolver e que, provavelmente, elas já têm, mas desconhecem.

Imaginem os espaços amplos ou não. Com cheiros ou não. Cores ou não. Tudo é parte do explorar o SER. A arte, música, corpo, comida, toque. A criação partindo deles. O Novo partindo deles. Não sabemos o que eles têm para nos dizer. Pq não deixamos eles dizerem. Deixá-los dizerem seus projetos de vida. Eles vieram para SER aqui como, onde, pq ? 

É um novo princípio do SER HUMANO. UM Ser que já nasce e cresce DESPERTO.

Os vórtices para crianças tem a única base do SER LIVRE. Experiências em que elas escolhem e aprendem com as escolhas. Elas escolhem e expandem com a escolha. Elas escolhem e ganham AUTONOMIA. Daí para frente acontece o enfrentamento dos medos e das consequências de suas escolhas.  A reflexão não é dirigida. É autônoma, surgindo do próprio SER. Sem manipulação mental.

Este Vórtice tem o desafio maior para o adulto do que para a própria criança. O adulto ainda precisa superar a necessidade de Controlar. 

Este é um começo do PRINCÍPIO DO SER num MUNDO DISTRIBUÍDO.

Distribuído pq precisa acontecer em muitos espaços ao mesmo tempo. Acesso livre e sem exclusão. Há muito trabalho a ser feito com os espaços. É um novo olhar para o Mundo. 

Temos que falar disso com  pessoas que sintam o chamado para trabalhar de forma distribuída e colaborativa com crianças.

Atualmente temos 3 Destinos Colaborativos que nasceram intuitivamente, sem meu propósito para este Projeto. Hoje vejo que eles já estavam destinados a fazer parte disso:

Destino Colaborativo Moventis, Destino Colaborativo Fora de Série, Destino Colaborativo para a Arte.

Todos os Destinos Colaborativos fazem parte do Projeto144, mas estes 3 atendem especialmente ao Vórtice Criança.